BRASIL

DEPUTADO DA TATUAGEM É ABSOLVIDO NO SUPREMO

A Segunda Turma do Supremo, por unanimidade, absolveu Wladimir Costa, o deputado da tatuagem de henna com o nome de Michel Temer, da acusação de peculato, informa O Antagonista.

A PGR acusou o deputado do Solidariedade do Pará e seu irmão, Wlaudecir, de participar de um esquema de desvio de recursos públicos por meio da contratação de três funcionários fantasmas para o gabinete de Wladimir.

O relator do caso, Edson Fachin, disse não haver indícios suficientes para confirmar as acusações do Ministério Público.

Anúncios

OBRIGADO POR CURTIR E PARTICIPAR DO NOSSO BLOG.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s