BRASIL

O PROBLEMA DOS TUCANOS NA TERRA DA LAVA JATO

Não é só o PT que está com a vida dura no Paraná, segundo a revista Crusoé. Não bastasse a estagnação nas pesquisas em nível nacional, Geraldo Alckmin (PSDB) também passa por apuros para arregimentar bons aliados na terra da lava jato.

Seu correligionário Beto Richa deixou o governo do estado para disputar, provavelmente, o Senado. Mas a cada dia que passa, ele ou seus assessores mais próximos aparecem em acusações de corrupção.

A sucessora de Richa, Cida Borghetti (PP), pretende disputar a reeleição e tende a ser o palanque oficial do tucano no estado. Mas ela também enfrenta acusações. Foi delatada na delação da Odebrecht, por financiamento irregular em sua campanha para deputada federal em 2010.

Cida Borghetti é mulher do ex-ministro de Saúde Ricardo Barros, que conforme mostrou também a revista, se cercou de gente metida em negócios nebulosos enquanto esteve no cargo.

A situação se complica ainda mais, porque a governadora começou a demitir a equipe de Richa, tensionando a relação entre os dois grupos políticos que devem receber Alckmin no Paraná durante a campanha.

Para piorar a vida do presidenciável tucano, ela está longe de ser favorita na disputa, liderada hoje por Osmar Dias (PDT) e Ratinho Júnior (PSD).

Anúncios

OBRIGADO POR CURTIR E PARTICIPAR DO NOSSO BLOG.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s