JUSTIÇA

TRF-3: CENAS CONSTRANGEDORAS

Quem compareceu à sessão pública da eleição para a presidência do TRF3, o maior tribunal federal do país, viu cenas constrangedoras.

Antes da eleição, a desembargadora federal Diva Malerbi irrompeu no plenário da Corte e mandou tirar as cabines eleitorais colocadas ao lado da presidente do tribunal, para tentar preservar o sigilo dos votos.

Diva Malerbi tem mais de 70 anos, é decana do tribunal e uma das juízas federais mais respeitadas do país.

A iniciativa de Diva Malerbi foi inútil.

Iniciada a votação, vários desembargadores federais preenchiam a cédula eleitoral, sem usar as cabines, e a exibiam a colegas. Um dos desembargadores conferia e levava os votos de alguns colegas até as urnas.

O AN&F apurou que a conselheira do CNJ, Daldice Santana (foto), nomeada por Lula, teve papel bastante ativo nessa votação.

A sua candidata, Therezinha Cazerta, venceu a eleição para a presidência do TRF3, com apenas quatro votos acima da maioria absoluta.

Anúncios

Categorias:JUSTIÇA

Marcado como:,

OBRIGADO POR CURTIR E PARTICIPAR DO NOSSO BLOG.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s