POLÍTICA

O PT VAI TER QUE REFAZER OS PLANOS

O TRF-4 sabotou os planos de Lula.

O comandante máximo da ORCRIM pretendia arrastar sua candidatura até setembro, com chicanas jurídicas no STJ, no STF e no TSE.

Se ele fosse cassado, transferiria uma parte de seus votos para o poste Jaques Warner.

rapidez do desembargador João Pedro Gebran Neto, porém, desarmou esse golpe, porque o discurso vitimista de Lula vai esfriar até o início da campanha eleitoral.

Além disso, ele corre o risco de ser preso – e, com isso, tornar-se um cabo eleitoral ainda mais tóxico.

O PT tem de refazer seus planos. Rapidamente.

O desembargador João Pedro Gebran Neto encaminhou seu voto sobre a propina de Lula na sexta-feira à tarde.

O G1 deu a hora exata:

“O processo chegou ao TRF-4 em 23 de agosto. A última movimentação foi às 14h16 da última sexta-feira, quando Gebran enviou o processo ao gabinete de Leandro Paulsen. O conteúdo do voto é sigiloso até a data do julgamento, e fica disponível somente para os desembargadores da 8ª Turma.”

Enquanto isso, Lula parte nesta segunda-feira para o Espírito Santo.

Ele ainda não comentou o fato de que o desembargador João Pedro Gebran Neto concluiu seu voto sobre a propina da OAS.

Se a PF quiser prendê-lo, pode encontrá-lo aqui:

Segunda (4) Vitória:
18h00 – Ato de abertura da Caravana
Local: Praça Costa Pereira

Terça (5) Cariacica:
10h00 – Visita ao campus Cariacica do Instituto Federal do Espírito Santo e reunião com reitor e diretores
Local: Rod. Gov. José Sete, s/n

Anúncios

Categorias:POLÍTICA

Marcado como:, , ,

OBRIGADO POR CURTIR E PARTICIPAR DO NOSSO BLOG.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s