MUNDO

VENEZUELANO QUE CANTOU PARA O PAPA MORRE POR FALTA DE MEDICAMENTOS

Um venezuelano lembrado por ter cantado, quando criança, ao papa João Paulo II morreu por falta de medicamentos para tratar uma insuficiência renal, informaram nesta sexta-feira fontes próximas.

Adrián Guacarán (foto) faleceu na quinta-feira à noite aos 44 anos ao não conseguir um medicamento que necessitava para controlar o acúmulo de líquidos decorrente de sua doença, indicou à AFP um funcionário do Parlamento, onde o cantor trabalhava há uma década.

Resultado de imagem para Adrián Guacarán

Ele havia dado entrada no hospital Domingo Luciani, centro de saúde público no leste de Caracas.

A Venezuela, declarada em default parcial pelas agências financeiras Standard & Poors e Fitch pelo pagamento atrasado de sua dívida externa, sofre uma severa crise econômica caracterizada pela escassez de alimentos básicos e medicamentos.

Segundo a Federação Farmacêutica, o desabastecimento de medicamentos chega a 90% e 95% no caso de doenças crônicas.

“Saudações a todos. Eu, ADRIÁN GUACARÁN, solicito com urgência ALDACTONE DE 100 MG (…). Deus lhe pague”, escreveu o venezuelano em 6 de novembro em sua última mensagem no Twitter.

Guacarán cantou a música ‘El Peregrino’ a João Paulo II durante sua visita à Venezuela em 1985. Tornou-se um dos símbolos da passagem do pontífice pelo país, emocionando a hierarquia da Igreja Católica, que o recebeu posteriormente no Vaticano.

Anúncios

Categorias:MUNDO

Marcado como:, ,

OBRIGADO POR CURTIR E PARTICIPAR DO NOSSO BLOG.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s