POLÍTICA

O VAZIO DE FHC

FHC deu uma palestra na Universidade de Columbia.

O auditório estava lotado, segundo a Folha de S. Paulo.

O que ele disse?

Nada. Passou o tempo todo escondendo o jogo.

Por exemplo:

“Precisamos de um líder capaz de organizar a situação e nos dar a sensação de que estamos juntos, alguém capaz de expressar emoções, não ideias.”

Ou:

“O próximo líder que surgir terá de ser alguém que nos faça mover adiante, alguém capaz de confrontar realidades.”

Ou:

“Um líder populista pode aparecer de novo. Mas o único capaz de entusiasmar dessa forma as pessoas perdeu enorme credibilidade.”

Ou:

“Temos de rever nossas ideias sobre o que é possível, o que as pessoas querem.”

Ou:

“Todos terão a capacidade de dizer algo sensível e transparecer verdade. Isso é bom e perigoso porque nunca saberemos quem será capaz de entusiasmar as massas.”

FHC dispara generalidades porque não tem a menor ideia do que vai acontecer nos próximos meses.

Mas ele tem uma carta na manga: Luciano Huck.

Anúncios

OBRIGADO POR CURTIR E PARTICIPAR DO NOSSO BLOG.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s