POLÍTICA

VIAGENS SERIAM ‘HORAS EXTRAS’

prefeito de São Paulo, João Doria, respondeu aos questionamento do Ministério Público sobre suas viagens. O tucano teria apontado como “horas extras” os períodos fora da capital paulista, levando em conta a carga horária desde que ele sai de casa até a hora que volta.

De acordo com o documento anexado pelo prefeito, apenas em Doria trabalhou 332 horas em dias úteis e 72 horas aos finais de semana. Até agosto, o total é de 2.943 horas.

Ainda segundo o jornal, o relatório compara os horários do prefeito à jornada prevista na CLT, de 220 horas por mês. Fazendo as contas, o prefeito teria trabalhado 1.183 horas a mais do que um empregado comum.

Anúncios

Categorias:POLÍTICA

Marcado como:, ,

OBRIGADO POR CURTIR E PARTICIPAR DO NOSSO BLOG.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s