JUSTIÇA

“DEUS NOS AJUDE, DEUS AJUDE O BRASIL”

Rodrigo Janot esteve reunido com Cármen Lúcia antes de convocar a coletiva de ontem à noite.

À interlocutores, a presidente do STF tem se mostrado esperançosa, mas preocupada com os fatos já revelados e com os que estão por vir.

“Deus nos ajude, Deus ajude o Brasil”, anda dizendo a ministra.

Hoje, assim que ouvir a polêmica gravação da JBS, Edson Fachin vai compartilhar seu conteúdo com Cármen Lúcia para avaliar como o STF deve ser pronunciar, inclusive a respeito da suspensão ou não do sigilo.

Sabemos que os demais ministros estão pressionando para que o áudio seja logo divulgado para que não pairem dúvidas sobre o STF.

Por sua vez, Joesley Batista, para se salvar, vai entregar Marcelo Miller.

De acordo com o Valor, ele pretende justificar seus áudios dizendo que “não tinha conhecimento de que o procurador permanecia na PGR enquanto mantinha conversas com os executivos do grupo J&F acerca de estratégias para um acordo de delação premiada”.

Ninguém vai acreditar nessa mentira.

Anúncios

OBRIGADO POR CURTIR E PARTICIPAR DO NOSSO BLOG.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s