JUSTIÇA

FUNARO DETONA GEDDEL E HENRIQUE ALVES

Entre os principais alvos da delação de Lúcio Funaro, estão os ex-ministros Geddel Vieira Lima (Secretaria de Governo) e Henrique Eduardo Alves (Turismo), dois dos mais próximos aliados de Michel Temer.

Funaro indicou contas bancárias, confirma O Globo, nas quais teriam sido depositadas propinas para ambos, supostamente a mando de Eduardo Cunha.

O doleiro explicou ainda de onde tirou e como fez o dinheiro chegar a Geddel, apontando também viagens e até o número de voos que usou para se encontrar na Bahia com o ex-ministro, hoje em prisão domiciliar em Salvador.

Além de Geddel Vieira Lima e Henrique Alves, como antecipou O Antagonista, Lúcio Funaro relatou que fez pagamentos a mando de Eduardo Cunha a pelo menos mais 18 políticos, a maioria da base governista na Câmara, confirma O Globo.

De acordo com o jornal, “Cunha indicaria onde buscar ou de quem receber o dinheiro e para quem os subornos deveriam ser repassados”.

“A compra de parlamentares fazia parte do projeto político de Cunha”, que “desmoronou depois da descoberta de conta de offshore em nome dele na Suíça”.

Anúncios

OBRIGADO POR CURTIR E PARTICIPAR DO NOSSO BLOG.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s