POLÍTICA

O ANIVERSÁRIO DO IMPEACHMENT

A senadora Ana Amélia disse que não “se arrepende nenhuma vírgula” de como agiu durante o impeachment de Dilma Rousseff.

“Foi um rito constitucional. Meu voto foi consciente, com responsabilidade. Agora é claro que quem perde o poder continua reclamando.”

Ela lamenta, no entanto, “o atalho, o jeitinho brasileiro”, que, no fim do longo processo, preservou os direitos políticos da ex-presidente.

“Aquilo não coincidiu com o grau de seriedade com o qual o processo foi conduzido.”

001

Ronaldo Caiado, sobre o impeachment de Dilma Rousseff, concretizado exatamente um ano atrás:

“Ficou como ensinamento que o afastamento de um presidente e sua imediata substituição pelo seu vice, sem ter novas eleições, frustra enormemente um povo. Porque na ampla maioria das vezes o vice não está vestido de credenciais políticas, éticas e morais para implantar as reformas pautadas pelas ruas.”

Anúncios

OBRIGADO POR CURTIR E PARTICIPAR DO NOSSO BLOG.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s