ECONOMIA

O AUMENTO DA DÍVIDA BRUTA DO GOVERNO

Em alta desde 2014, a dívida bruta do governo chegou a 73,1% do PIB (R$ 4,67 trilhões em junho deste ano) e a dívida líquida do setor público, a 48,7% do PIB (R$ 3,11 trilhões).

Segundo o relatório da IFI, o quadro é de “rápida deterioração dos indicadores da dívida”. As projeções do cenário básico são que a dívida bruta feche este ano em 76,2% do PIB e chegue a um pico de 92,4% em 2023.

A partir disso, haveria lenta trajetória de queda até 2030.

Resultado de imagem para DÍVIDA BRUTA

Para a instituição, o perfil de endividamento brasileiro, com elevados volumes de passivos e de ativos financeiros e grande diferencial de rentabilidade entre eles, leva à necessidade de produzir superavits primários muito elevados para conter sua escalada, quando a economia não está crescendo.

Para impedir que a relação entre a dívida e o PIB cresçam, seria preciso que o país produzisse um superavit de 5,2% do PIB, 7,8 pontos percentuais acima do deficit de 2,6% do PIB em junho de 2017, considerando os valores acumulados em 12 meses.

A IFI vê sinais crescentes de que um cenário pessimista se realize, “diante da inexistência de soluções em horizonte razoável de tempo para o equacionamento do crescimento das despesas obrigatórias”.

Para evitá-lo, considera indispensável a aprovação da idade mínima para aposentadorias e a contenção dos gastos com funcionalismo público.

Do lado da receita, serão necessárias mudanças no regime tributário, defende a instituição. “Até o momento, a estratégia da atual política fiscal foi positiva, mas serviu apenas para estancar a sangria dasatada”, avaliou o relatório de julho. 

Anúncios

Categorias:ECONOMIA

Marcado como:, ,

OBRIGADO POR CURTIR E PARTICIPAR DO NOSSO BLOG.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s