JUSTIÇA

O TRIBUNAL DE LUIZ INÁCIO

Lula sempre acusa a magistratura de fazer o jogo dos partidos.

Ele sabe do que está falando.

Leia o que publicou a Coluna do Estadão:

“O desembargador Paulo Barros abriu sindicância para apurar a conduta do juiz Marcelo Lemos (foto), de Alagoas, que teria se ausentado do trabalho para participar de ato pró-Lula quando o petista foi inquirido pela Lava Jato.

No despacho, o desembargador menciona que o mesmo juiz presidirá hoje, em Curitiba, o ‘Tribunal Popular para julgar a Lava Jato’, organizado por um grupo de advogados”.

Ouvido pela reportagem, o juiz disse que estava em Curitiba para outro compromisso, mas que “gostaria de ter apertado a mão” de Lula.

Anúncios

OBRIGADO POR CURTIR E PARTICIPAR DO NOSSO BLOG.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s