JUSTIÇA

MARCO AURÉLIO: “EM CASO DE FICHA SUJA, 2018 É SEM LULA”

Marco Aurélio Mello descartou a possibilidade de que, condenado pelo TRF-4, Lula possa obter uma liminar no STF para concorrer em 2018.

Ele disse à Folha de S. Paulo “que a Lei da Ficha Limpa foi clara ao prever a inelegibilidade depois da condenação em segunda instância.

E que, por esse ser um efeito ‘extrapenal’, e não de ‘execução da pena’, não caberia a discussão”.

Outro ministro do STF, que pediu o anonimato, lembrou à reportagem que, “provocado por ações da OAB, o Supremo pacificou a questão em 2012, dizendo que a lei Ficha Limpa é constitucional e que pode ser aplicada”.

Por falar nisso, o PT já tem um lema: “eleição sem Lula é fraude”.

Se o condenado for impedido de roubar mais uma disputa presidencial, portanto, o PT terá de se recusar a participar do pleito.

O PT não existe sem Lula.

O desafio para Lula, segundo O Globo, “será conter a ansiedade dos petistas” até o segundo semestre do ano que vem.

Jaques Wagner tenta acalmar deputados e senadores dizendo que Lula “pode se valer de uma liminar para disputar a eleição em caso da condenação em segunda instância”.

O STF, porém, não pretende atropelar a Lei da Ficha Limpa.

Além disso, Lula será condenado outras vezes, e seu capital eleitoral tende a diminuir ainda mais.

Cedo ou tarde, o PT terá de entregar os pontos e reconhecer que o condenado faz parte de seu passado.

Anúncios

OBRIGADO POR CURTIR E PARTICIPAR DO NOSSO BLOG.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s