PIAUÍ

“O POVO NÃO PODE SER CRUCIFICADO”

Em sua primeira visita ao Piauí como cardeal, o presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), Dom Sérgio da Rocha, declarou que não existe saída para a crise do país sem superar a corrupção e que o “povo brasileiro não pode ser crucificado”. O religioso defendeu a necessidade urgente  de reforma política e separação entre público e privado. 

“Misturar o público e privado traz consequências. O povo não pode ser crucificado” declarou, em entrevista coletiva na Residência Episcopal, na manhã desta quarta-feira (5), em Teresina.  

Sobre as reformas Trabalhista e da Previdência, o religioso insiste que as decisões não podem ficar restritas ao Congresso Nacional e que o povo brasileiro deve ser consultado. Apesar de não se pronunciar diretamente sobre eleições diretas, o cardeal reforça que a Constituição Brasileira deve ser considerada.

Em conversa com jornalistas, o presidente da CNBB, que já foi arcebispo da Arquidiocese de Teresina, também admitiu que sente saudades da capital piauiense.

“Chego a Teresina com saudades e gratidão. Aqui tem muita gente boa e generosa. Esse é um momento de alegria, reconhecimento e gratidão. Tenho a felicidade de reencontrar tanta gente querida que caminhou comigo nos tempos em que fui arcebispo e continua a caminhar na Igreja”, disse o cardeal. 

Dom Sérgio também elogiou o papa Francisco  e destacou o papel do pontífice no que considera os maiores desafios da igreja católica. 

“Nosso maior desafio é evangelizar diferentes situações como a pobreza, por exemplo,  além de conjugar preocupações internas da Igreja com questões sociais” disse o cardeal.

Na Capital, o cardeal será homenageado com a medalha do mérito Samaritano, comenda oferecida pela Arquidiocese de Teresina e Ação Social Arquidiocesana (ASA), a pessoas com relevantes trabalhos sociais.

Anúncios

OBRIGADO POR CURTIR E PARTICIPAR DO NOSSO BLOG.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s