POLÍTICA

“ELEIÇÕES DIRETAS AINDA ESSE ANO, NÃO PASSAM DE UM SONHO DE VERÃO”

Ricardo Ferraço, sobre a insistência de Lindbergh em achar que há possibilidade de eleições diretas em eventual queda de Michel Temer:

“É sonho de verão. Quem defende isso está brincando com a emoção dos outros. É uma coisa desonesta. O discurso da oposição é absolutamente uma falácia, que não dialoga com a vida real. O Brasil não pode ser essa república das bananas, em que se muda a regra no meio do jogo.”

Como mostramos mais cedo, se aprovada no Senado e na Câmara, a PEC das Diretas não terá efeito imediato. A possibilidade de o povo eleger um novo presidente em caso de vacância nos três primeiros anos do mandato se dará em hipóteses a partir do sucessor de Temer.

“Há ampla jurisprudência no STF nesse sentido”, acrescentou Ferraço, autor do substitutivo aprovado hoje na CCJ, em consonância com o texto original, do senador Reguffe.

Anúncios

OBRIGADO POR CURTIR E PARTICIPAR DO NOSSO BLOG.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s