TEMER ROUBOU PROPINA DO PMDB

Postado em Atualizado em

Ricardo Saud, relações institucionais da JBS, revelou em sua delação premiada o acerto de R$ 10 milhões em propina para o PMDB.

Desse montante, Temer pegou R$ 2 milhões – que já foram pagos. Os valores constam de uma planilha mantida por Joesley Batista com toda a propina a partidos e políticos.

Resultado de imagem para joesley batista

A propina foi paga em troca do favorecimento do grupo J&F em ações no CADE e numa gestão para pressionar a Petrobras a fornecer gás para uma das termoelétricas do grupo.

A PF gravou um encontro de Saud com o deputado Rocha Loures no shopping Vila Olímpia. Ao repassar os valores, o ex-assessor especial de Temer ficou eufórico. “Rodrigo ficou louca (sic)”, diz Saud na delação.

Segundo os delatores da JBS, o deputado Rocha Loures, ex-assessor especial de Michel Temer, era o maleiro da propina do presidente. As gravações entregues à PGR são matadoras.

A delação premiada do grupo JBS atinge nada menos que 1.890 políticos, do presidente da República ao vereador. São histórias sórdidas de todo sistema corrupto que arruinou o Brasil.

Os delatores contaram à PGR que a propina da JBS para Michel Temer também era recolhida pelo coronel João Baptista Lima Filho, que aparece como dono de uma fazenda em Duartina (SP).

OBRIGADO POR CURTIR E PARTICIPAR DO NOSSO BLOG.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s