DEPUTADO MARCELO CASTRO: “CHUTE EM MANIFESTANTE FOI INSTINTIVO”

Postado em

O deputado Marcelo Castro disse, que reagiu “instintivamente, automaticamente, impulsivamente” ao chutar uma militante da CUT que o cercou no aeroporto de Teresina.

“Eles cometeram alguns excessos. Queriam impedir o meu acesso ao embarque, de maneira muito agressiva. Alguém me empurrou e levei uma ‘placada’ na cabeça. Instintivamente, automaticamente, impulsivamente eu virei para revidar a agressão. Quando levantei a perna, veio a razão. Parei e vi que não podia fazer aquilo. Foi um pequenino chute, não pegou em ninguém.”

Castro, ex-ministro da Saúde de Dilma Rousseff, acrescentou que vai se reunir com os colegas do estado para tratar da segurança no embarque e no desembarque na capital piauiense.

“Sou um político experiente. Quem está na vida pública está sujeito a essas coisas, mas agressão física não cabe. Tems que ter uma certa proteção.”

O deputado lembrou que votou contra o impeachment. “E ainda assim eles chamaram-me de golpistas. Não dá para entender…

O deputado Marcelo Castro, do PMDB do Piauí, foi cercado por militantes da CUT quando chegava ao aeroporto de Teresina para embarcar para Brasília. Ele acabou chutando uma das manifestantes (a partir do segundo 54).

Assista:

OBRIGADO POR CURTIR E PARTICIPAR DO NOSSO BLOG.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s